Numa nota informativa enviada às redações, o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA) recomenda às populações que mantenha limpos os sistemas de drenagem, bem como os adjacentes às residências e que sejam acautelados os objetos soltos do jardim que "possam ser projetados pelo vento".

A Proteção Civil açoriana aconselha a consolidação de telhados, portas e janelas e pede à população que só circule em caso de necessidade.

São ainda desaconselhadas atividades relacionadas com o mar e o reforço das amarrações das embarcações ou a sua mudança para local seguro.

As populações devem também afastar-se de áreas baixas junto da orla marítima e abrigar os animais.

A Proteção Civil dos Açores pede ainda à população que fique "atenta às recomendações difundidas pelas entidades oficiais", seguindo as "instruções das autoridades".

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) informou hoje que a depressão Efrain, com um sistema frontal associado, pode provocar, nos Açores, rajadas de vento na ordem dos 110 quilómetros por hora, ondas que poderão atingir os nove metros e precipitação forte.

De acordo com o IPMA, a depressão deverá provocar um aumento significativo da intensidade do vento, com rajadas na ordem dos 110 quilómetros por hora no grupo Ocidental (Flores e Corvo), dos 90 quilómetros por hora no grupo Central (Terceira, São Jorge, Pico, Graciosa e Faial) e até 80 quilómetros por hora no grupo Oriental (São Miguel e Santa Maria).

Essa depressão provocará também um aumento da agitação marítima com ondas que, no grupo Ocidental, que deverão atingir os nove metros de altura significativa.

O IPMA elevou para laranja o aviso meteorológico nas ilhas dos grupos Oriental e Central, devido às previsões de precipitação temporariamente forte, entre hoje e sábado.

Para o grupo Central, o aviso laranja por causa da chuva temporariamente forte vigora já a partir das 21:00 de hoje e até às 06:00 de sábado.

As cinco ilhas do grupo Central vão estar ainda sob aviso laranja devido à agitação marítima, entre as 18:00 de sábado e as 06:00 de domingo.

As previsões para o grupo Central indicam ainda a possibilidade de ocorrência de trovoada e vento a partir do final da tarde de hoje e manhã de sábado, pelo que foram emitidos avisos amarelos.

AS ilhas do grupo Central vão estar igualmente sob aviso amarelo referente a agitação marítima a partir da tarde de sábado.

Para o grupo Oriental, o aviso laranja de precipitação temporariamente forte vai vigorar entre as 00:00 e as 06:00 de sábado.

Além da chuva forte, as previsões para o grupo Oriental apontam para a possibilidade de ocorrência de trovoada e agitação marítima, tendo o IPMA emitido para São Miguel e Santa Maria avisos amarelos para sábado e início de domingo.

Quanto ao grupo Ocidental do arquipélago, está sob avisos laranja por causa do vento, entre as 21:00 de hoje e as 03:00 de sábado, e da agitação marítima, entre as 12:00 de sábado e as 06:00 de domingo.

Flores e Corvo vão estar ainda sob aviso amarelo, por causa da precipitação por vezes forte, podendo ser acompanhada de trovoada, entre a tarde de hoje e as 09:00 de sábado.

Aquelas duas ilhas vão estar também sob avisos amarelos por causa do vento e agitação marítima, a partir da tarde de hoje, o que se deverá manter até domingo.

APE // ACG

Lusa/fim

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para que não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.